terça-feira, junho 12, 2007

Já que tanto insistem...

... vou tentar explicar a origem do meu pensamento (muito original, por acaso!) ali de baixo!
Vejam lá se me acompanham...

Por muito estranho que pareça não me referia à minha vida pessoal, ou a grandes questões filosóficas. Pensava sim no espaço cibernautico onde todos navegamos uns mais às escuras do que outros!
Senão vejamos:


Quando navegamos, incógnitos ou não, ou todos incógnitos, uns mais do que outros, ou todos mostrando um pouco de nós, uns mais do que outros, vamos-nos cruzando com lutas que buscamos (ou não) que nos dão gozo (ou não).
Fazemos provocações, brincamos, damos e recebemos prendas virtuais, damos e recebemos beijos e abraços de lábios, mãos e braços que nunca vimos, e... gostamos.

Sim! Gostamos! Gostamos em especial de uma pessoa que nos visita, achamos outra mais intrigante, há outra de quem não gostamos tanto, encontramos formas de comunicar, códigos próprios, secretos, trocadilhos que só um, ou outro entendem - o "divã", o "chá", o "abraço", o "quem é a Inês?"

Tecemos histórias que nos "acompanham" durante dias, com personagens fantásticas, com que nos vamos familiarizando - o "Alcides", a "misteriosa menina que deixa bilhetes no comboio", o "piloto da força aérea", entre tantos outros de outros cantinhos da blogosfera!

E, inevitavelmente - partimos para a "guerra"!
Porquê?

Porque brincamos... porque por de trás das máscaras (perfis) de cada um há alguém que não conheço, que não me conhece, mas que fala comigo todos os dias (ou não)
Dar e levar nesta "guerra" não tem de ser negativo, mas às vezes também é!
Mas tão curioso... agora que penso / escrevo nisto percebo tão bem que dar e levar neste mundo de virtualidades, é... como... entrar numa qualquer casa mágica de uma feira de diversões, em que o que encontramos, no lugar dos espelhos que distorcem a nossa imagem, são experiências de sensações, que sentimos do outro e em nós. Mas como nas feiras de diversões, podemos sair daí incólumes, sem mossa. Experienciar...

E a reflexão já vai longa, e como não tem nada de especialmente original vou parar por aqui!

:)

19 comentários:

mixtu disse...

yayaay
vejam lá se me acompanham, yayaya, acompanhamos-te, eu 4ª classe, mas bem tirada, com exame... yayayaya

Betinha, o que tu escreves, acabas por definir o que são os calhaus da web...

tens que ler autopista del sur do cortazar...

abrazo,

mfc disse...

Nunca censurei um comentário... nesse sentido...levo mais que o que dou!
Mas contigo gosto de "xingar"!!

Dias... disse...

Giro mas, que é a Inês ? :)))

Beijo Santo Antonino

1entre1000's disse...

boa reflexão e bem verdadeira mna Boop! well done, good post!!

Fatyly disse...

O mfc tem algo no seu blogue: a vida é demasiado séria para ser levada a sério.
Aqui há tudo o que descreves e gostei da tua reflexão.
Nunca me causaram mossas e julgo que eu também não:)

Retribuo o grande sorriso!

Anónimo disse...

É uma guerra controlada, onde a corda estica, mas sem rebentar. O anonimato assim o permite!
Bela e sensata reflexão
Carla

Anónimo disse...

um comentário que não cheguei a colocar... a propósito de qualquer coisa que não foi nada... parafrasendo-me:
"Que se brinca, que se chora, que se lava roupa suja, que se saúda e se beija na cara, que se cumprimenta amigavelmente ou se insulta com leveza, isso, garantidamente, há! Aqui, neste universo!
Se por vezes descambamos para mesas de café menos asseadas, porventura riscadas, não deixamos contudo de ter a mente em permanente rebuliço, de querer saber um poucochinho mais, do que se falou ou do que se fala!
Não se escreve em papel? Não se dá a ler ao mundo inteiro? Nada mais errado!
É de segunda? É de terceira categoria? Venham os críticos iluminados com as suas pautas gastas e façam uma avaliação! Talvez lhes saia o tiro pela culatra…
Há aqui brilhantismo, poesia, prosa, romance, eu sei lá! Também há o oposto, mas é para isso que somos donos e senhores do comando!
E depois… depois há o risco! O risco de nos expormos à crítica de tudo e de todos, e não apenas de uma nomenclatura bem posta! Até nos singelos comentários nos arriscamos à retórica dos desconhecidos, das cócegas que elas nos possam provocar…"
comentários áparte, continua essa "guerra" bem disposta que te caracteriza!

Haddock disse...

bem, mna. boop, isto está uma categoria!! a sério!

(e aqui o anónimo de cima também merece palmas).

quem interage por aqui, descobre antipatias, meras cortesias, simpatias e empatias. cultiva-as ou não.

podemos fazer disto confessionário, "inventório" ou simples montra do nosso (pretenso) talento.

os ácidos apontam o dedo à jactância que por aqui se vive. eu já fui um desses...

Eu disse...

Eu acho q sim (a tudo)

:))

D. Maria e o Coelhinho disse...

TOU TÃO CHATEADA !



D. MARIA

Os 3 porquinhos disse...

O anonimato é perigoso...também é cobarde...mas dá gosto! Agora posso dizer coisas como "Este é o pior blog em que já tive o desprazer de aterrar!" sem que tu saibas quem eu sou!! Nunca saberás que sou o

JC

Lúcia disse...

já falei várias vezes sobre o anonimato da blogosfera. já fui completamente anónima, mas já me "desanonimei", pelo menos para alguns. é evidente que nunca fiz ou disse nada que me obrigasse a manter o anonimato. não me arrependi em ter-me mostrado cara a cara, encontrei pessoas anónimas, não "tão" anónimas assim, pessoas essas com as quais tinha simpatizado e confirmei as minhas impressões anónimas (pareço a Mónica eheheheh).
considero isto tudo uma brincadeira, não ofendo ninguém, nem deixo que me ofendam.

olha... beijinhos virtuais para ti e dizestes muito bem!

Haddock disse...

... sol??
não sejas egoista e partilha!!

Lídia disse...

É bom partilhar... isso é que interessa!

Rafeiro Perfumado disse...

Quer queiras quer não, vou continuar a vir para aqui beber o meu chazinho... ;)

mfc disse...

Que preguicite aguda vai por aqui!!

mixtu disse...

estamos a acompanhar-te...
yayaya
besito

Trivialidados disse...

Realmente é tudo isto, está muito bem escrito. Vou continuar a passar por aqui, à se vou. Um abraço e bom fds.

galatea disse...

agudo tu post, gracioso pero honesto... la blogosfera una comunidad como toda comunidad formada por personas, que a pesar de sus caretas (perfiles) originales, fantásticos... son al final personas, feria de vanidades?... algunos, otros el deseo de compañía... para mi?... un mundo alternativo hecho a mi "pinta" (gusto) para soportar la aplastante realidad cotideana (otros se drogan...)
bueno tu post, (me gusta tu humor).