quarta-feira, agosto 02, 2017

Gaivotas

Uma manhã igual a tantas outras e para mim tão diferente.

O acordar dos próximos dias, de todos os próximos dias, terá bandas sonoras diferentes.
Estes juvenis em breve voarão para longe. 
Eu parto primeiro do que eles. Hoje é o meu dia de voar para longe.

(Será que o Hitchcock teve umas manhãs ruidosas quando se inspirou para "os pássaros"?)

PS - em mudança de casa


1 comentário:

Fatyly disse...

Oxalá é que elas não te sigam para as novas paragens:)))

Preferia acordar com esse ruído do que com o do meu prédio que nem te digo nem conto...e como os humanos são tão...enfim!

Beijocas