segunda-feira, dezembro 12, 2005

O Sonho

Um brinde ao sonho!

Podia falar, teorizar, filosofar sobre o sonho...
Mas hoje não me apetece retirar-lhe a magia!!!!!!!!
Quero poder sonhar - com o Amor pela vida!





"Quem contar
um sonho que sonhou
não conta tudo o que encontrou
Contar um sonho é proibido

Eu sonhei
um sonho com amor
e uma janela e uma flor
uma fonte de água e o meu amigo

E não havia mais nada...
só nós, a luz, e mais nada...
Ali morou o amor

Amor,
Amor que trago em segredo
num sonho que não vou contar
e cada dia é mais sentido
Amor,
eu tenho amor bem escondido
num sonho que não sei contar
e guardarei sempre comigo"

Letra e música: Pedro Ayres Magalhães
Album - "O Paraiso" - Madredeus

1 comentário:

xanolas := disse...

acho que é o cantinho mais doce k temos na nossa mente. podera tb ser amargo, mas nao deixa de ser o mais doce.
"without the bitter, the sweet ain't as sweet"
tantas maneiras de viver o meu cantinho me ofereceu esperandome sempre na mesma paragem de autocarro a espera das minhas insatisfaçoes

beijocas ines ! **