quinta-feira, outubro 02, 2008

Zeca

Canção de embalar

Dorme meu menino a estrela d'alva
Já a procurei e não a vi
Se ela não vier de madrugada
Outra que eu souber será p'ra ti

Outra que eu souber na noite escura
Sobre o teu sorriso de encantar
Ouvirás cantando nas alturas
Trovas e cantigas de embalar

Trovas e cantigas muito belas
Afina a garganta meu cantor
Quando a luz se apaga nas janelas
Perde a estrela d'alva o seu fulgor

Perde a estrela d'alva pequenina
Se outra não vier para a render
Dorme qu'inda a noite é uma menina
Deixa-a vir também adormecer


Hoje especialmente para a Ana.......
Se a quiserem ouvir está ai em baixo

8 comentários:

mfc disse...

É de uma doçura total...

Fatyly disse...

inconfundível!!!!

Anita disse...

Ao entrar, e ler, e ouvir, senti cair-me no teu colo devagarinho, como se de há muitos anos se tratasse.

E lembrei-me daquelas noites que cá passavas, e ficávamos as três à mesa: vocês duas na conversa, e eu porque não tinha acabado de comer. E então tu pegavas no meu garfo e davas-me a comida - há muito fria - à boca, sob o olhar acusador da minha mãe "Tu dás-lhe tantos mimos...!"...

Um grande beijinho*

Tiagojcs disse...

Excelente !

1entre1000's disse...

é LINDA!

Haddock disse...

é bonito, está bem.
mas o zeca não tem voz para embalar meninos...

croqui disse...

fantástico tema!!

tulipa_negra disse...

lindo, como todos os temas do Zeca... bela escolha

bjs