sábado, julho 02, 2016

Olhos nos olhos

"Se espreitares os meus olhos encontrarás a sombra das aves.
Se não espreitares, encontrarás as aves, mas não saberás como os meus olhos brilham quando me olhas."

António Vilhena
In, "Canto Imperecível das Aves"

Sem comentários: